Sexta-Feira, 19 de Outubro de 2018

Condições climáticas levam a prorrogação da proibição de queimadas em Mato Grosso




COMPARTILHE

Por conta das condições climáticas, Mato Grosso prorrogou o período proibitivo de queimadas na zona rural para o dia 1º de outubro próximo. Mas, apesar da medida, o Estado continua liderando o ranking nacional de incêndios florestais, respondendo por 18% das queimadas registradas em todo país.

Até o início da tarde de ontem, 79.106 ocorrências eram contabilizadas em nível nacional, conforme dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Do total, 14.045 focos ocorriam em Mato Grosso. Outros 7.784 incêndios ocorriam em Rondônia, e 7.656, no Pará.

Localizada em Mato Grosso, a cidade de Colniza registrava o maior número de focos: 1.174. Por lá, somente nas últimas 48 horas, foram contabilizadas 51 queimadas. Município pantaneiro, Barão de Melgaço registra 39 focos.

No Estado, o período de proibição das queimadas em zona rural começou no dia 15 de julho passado. A prorrogação também é resultado da situação verificada em Santo de Leverger de Leverger, onde um incêndio de grandes proporções vinha sendo combatido desde o início desta última semana pelos Corpos de Bombeiros.

Por lá, o fogo atingiu o Morro de Santo Antônio e entorno. Na quinta-feira, as chamas foram controladas, mas não extintas. Nesta última semana, também foi registrado incêndio na APA de Chapada dos Guimarães, nas proximidades do Parque Nacional. Por lá, o incêndio destruiu aproximadamente 3.700 hectares. Neste caso, a principal suspeita é de que o fogo começou a partir de queimada em área agrícola.

A decisão de prorrogação da proibição foi tomada esta semana após um parecer técnico que recomendando a prorrogação do período proibitivo. Além das queimadas, a preocupação é quanto as altíssimas temperaturas e umidade relativa do ar baixíssima.

 

Durante o período proibitivo, utilizar fogo para limpeza e manejo de áreas rurais é crime passível de seis meses a quatro anos de prisão, com autuações. Nas áreas urbanas, o uso do fogo para limpeza do quintal é crime o ano inteiro. As denúncias podem ser feitas na ouvidoria do Batalhão Ambiental (BEA): 0800 647 7363, no 193 do Corpo de Bombeiros ou diretamente nas Secretarias Municipais de Meio Ambiente.


Autor:Redação AMZ Noticias


COMENTÁRIOS:

Notice: Undefined index: envio in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 201
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia


Notice: Undefined variable: rsDestaque1 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 325

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 325

Notice: Undefined variable: rsDestaque2 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 327

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 327

Notice: Undefined variable: rsUltimas1 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 329

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 329

Notice: Undefined variable: rsUltimas2 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 331

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 331