Domingo, 18 de Novembro de 2018

Cadela de 18 anos viaja quase 2 mil km para fazer tratamento contra câncer canino




COMPARTILHE

A cachorrinha Lilica é companheira da indigenista Maria das Graças há 18 anos, sempre trazendo alegria com muita saúde e disposição. Em maio desse ano a Lilica fez um exame no veterinário e descobriu que tinha câncer no focinho. Deste então a batalha contra a doença foi árdua.

Maria das Graças precisou levar Lilica para São Paulo porque no Tocantins não há oncologistas disponíveis na área veterinária. Com o acompanhamento, a Lilica iniciou o tratamento de eletro quimioterapia e quimioterapia. Atualmente a pequena guerreira passa por tratamentos paliativos para aliviar sua dor e melhorar a qualidade de vida.

"Então, ela faz laser já pensando em outras doenças que ela tem por causa da idade, que é a questão da coluna, também tem bico de papagaio, a perninha dela tem os ligamentos dos joelhos rompidos, então isso alivia a dor", comentou.

A cachorrinha Lilica não perde tempo mesmo com as limitações da idade. Ela frequenta uma creche para animais onde pode conviver com outros bichinhos para se divertir e brincar, além de possibilitar a ela os estímulos necessários para reconquistar a qualidade de vida.

"(...) Isso possibilita a ela estímulos neurológicos, fisiológicos e emocionais. Porque cachorro sente, cachorro ama", comentou Maria. Os 18 anos de Lilica são equivalentes a mais de 100 anos de idade para um humano. As doenças geralmente aparecem por causa da idade avançada dos animais, mas a alimentação adequada e a vacinação correta podem aumentar a expectativa de vida.

De acordo com o médico veterinário Ivan Veríssimo, o câncer é cada vez mais comum de ser encontrada em animais domésticos. No estado do Tocantins, o maior índice de doenças que atinge animais é o calazar.

"No Brasil endêmico nós temos a cinomose e parvovirose, são doenças que são mais evidentes na rotina clínica. Essas vacinas são feitas nos primeiros dias de vida do animal, à partir de 45 dias de idade, sendo três doses com reforço e intervalo de 21 dias. No Tocantins, a gente recomenda muito a vacinação contra a leishmaniose, porque estamos em uma área endêmica, temos muitos casos de leishmaniose em animal aqui no Tocantins, então é recomendado que faça a vacinação da leishmaniose", orienta o veterinário.


Autor:AMZ Noticias com G1


COMENTÁRIOS:

Notice: Undefined index: envio in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 201
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia


Notice: Undefined variable: rsDestaque1 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 325

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 325

Notice: Undefined variable: rsDestaque2 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 327

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 327

Notice: Undefined variable: rsUltimas1 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 329

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 329

Notice: Undefined variable: rsUltimas2 in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 331

Warning: mysql_free_result() expects parameter 1 to be resource, null given in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 331