Sábado, 08 de Agosto de 2020

Garota é estuprada e abandonada em hospital de Cuiabá, suspeitos ainda voltam ao local




COMPARTILHE

Uma jovem de 18 anos foi vítima de estupro neste domingo (16) e abandonada na frente do Hospital Geral, na região central de Cuiabá, com bastante sangramento na região da vagina.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima foi deixada no local por dois homens, que fugiram em seguida. Após notar a gravidade da situação, a equipe médica acionou a Polícia Militar, bem como os pais da garota.

Os policiais tentaram ouvir a vítima, que estava em visível estado de embriaguez. Ela disse se lembrar apenas de que estava em uma festa, onde usou drogas e ingeriu bebidas alcoólicas. Ela informou que lembrava de ter tido relação sexual e que, em determinado momento, começou o sangramento.

No entanto, o médico plantonista relatou que a jovem teve a vagina dilacerada por conta de algum objeto que teria sido introduzido nela. A garota precisou passar por cirurgia e permaneceu internada na unidade de saúde. Invasão a hospital - Após algumas horas da jovem ter sido internada, a Polícia Militar foi novamente acionada pelos funcionários do Hospital Geral, que relataram que dois homens invadiram o local, em busca das roupas da garota.

Conforme o BO, criminosos diziam estar armados, colocando a mão na cintura, simulando estar segurando algum objeto. Eles então começaram a procurar pelo hospital a roupa ensangüentada da vítima. Como não encontraram nada, fugiram.

Os funcionários da unidade de saúde conseguiram anotar a placa do carro em que eles estavam e passaram para a Polícia, que conseguiu identificar o dono do veículo. Eles foram até a casa do suspeito e viram que o carro com a placa informada pelos funcionários estava estacionado na garagem. No entanto, o BO não diz se algum suspeito foi preso pela PM. O caso foi registrado na Central de Flagrantes no Bairro Verdão e deve ser investigado pela Polícia Civil.


Autor: AMZ Noticias com Midia News


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias