Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019

Funcionário suspeito por morte de gerente de fazenda é preso por crime passional




COMPARTILHE

Um funcionário foi preso dentro de casa na avenida Curitiba, no bairro Jardim Alvorada, em Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá), após ser acusado de matar a tiros o gerente de fazenda Cleiton Domeni Naitzki, 28, em um imóvel do residencial Porto Alegre, no dia 12 de agosto de 2017.

De acordo com informações da Polícia Civil, dentro da casa dele os policiais apreenderam um rifle calibre 22 com luneta e uma espingarda. Ao site Só Notícias, o delegado Nilson Farias, contou que o suspeito trabalhava na mesma fazenda em que a vítima atuou como gerente. A motivação do crime seria porque o homem descobriu que a vítima e sua esposa tinham um relacionamento extraconjugal.  

“As investigações demonstram um possível relacionamento entre os dois, ela possuía a chave da casa da vítima. Então o suspeito teve acesso à chave e entrou de forma sorrateira", disse o delegado. No dia do crime, Cleiton foi encontrado morto por uma amiga na cozinha próximo da porta de saída. Ele tomou o primeiro tiro enquanto estava deitado e logo em seguida foi atingido por uma sequência de disparos. A princípio, o caso era investigado como latrocínio.


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia