Quarta-Feira, 12 de Agosto de 2020

Pastor é preso por enviar fotos nuas para menina de 12 anos; Mãe denunciou o suspeito




COMPARTILHE

A Polícia Civil prendeu, na ultima terça-feira (8), o pastor evangélico J.F.A, de 25 anos, suspeito de assediar uma criança de 12 anos de idade, em Poconé (a 104 km de Cuiabá). O suspeito foi denunciado pela mãe de uma menina relatando que ele estaria mandando mensagens assediando sua filha por meio do Whatsapp.

Segundo a mãe da menor, a vítima tinha hábito de frequentar cultos celebrados pelo pastor. O homem conduzia orações nas cidades de Poconé e também em Nossa Senhora do Livramento (a 42 km da Capital). Assim que tomou conhecimento das mensagens, os investigadores saíram em diligência e localizaram o suspeito na residência em que costumava realizar as celebrações religiosas, no Bairro Bom Pastor.

Em checagem ao aparelho celular do acusado foram encontradas diversas fotos íntimas da vítima sem roupa e também fotos do suspeito nu, que foram enviadas para a vítima. Diante da situação foi lavrado o flagrante pelo assédio sexual. Na delegacia, foi arbitrada a fiança de três salários mínimos, que não foi paga. O detido será encaminhado para audiência de custódia. O caso segue em investigação pela Polícia Civil de Poconé.


Autor: AMZ Noticias com Mídia News


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias