Terca-Feira, 23 de Abril de 2019

Mineradora de Nova Xavantina descarta possibilidade de vazamento em barragens da empresa




COMPARTILHE

O Gerente Geral da empresa de mineração NX Gold, antiga Mineração Caraíba, que opera na extração de ouro na mina situada à 18 km do centro de Nova Xavantina -Sr, Antonio Mourtinho-, afastou qualquer possibilidade de vazamento nas três barragens da empresa, em entrevista concedida ao jornalista Ezio Garciae na manhã desta quarta feira, 30.“Hoje é grande a preocupação da nossa população com relação à tragédia de Brumadinho e a possibilidade de riscos com as nossas barragens” salientou o presidente.

REJEITO É AREIA, NÃO LAMA  - Moutinho explicou que a extração do ouro não produz o mesmo tipo de rejeito que a extração de minério de ferro -caso das Mineradoras Samarco (que ocasionou o rompimento da barragem em Mariana há três anos) e Vale, agora em Brumadinho. “Nosso rejeito é areia, que não absorve água, não produz lama, não escorrega, não corre; nós trabalhamos em cima do nosso rejeito, homens, máquinas, etc” elucidou.

300 VEZES MENOR - Outros detalhes esclarecidos pelo Gerente são, primeiro, com relação ao seu tamanho, que é centenas de vezes menor que a da Samarco em Mariana (300 veze) e dezenas de vezes menor que a barragem de Brumadinho (30 vezes). Segundo, é que a construção das barragens da NX Gold, não são do mesmo tipo que as de Mariana e Brumadinho -à montante, por declive, limitadas por taludes (barreiras de proteção, que podem se romper e se romperam nas duas tragédias). As da NX Gold são escavadas, são buracos, com paredes revestidas por camadas polipropileno (material de plástico enrijecido, impermeável) para não haver infiltração no solo. “Um buraco não tem jeito de vazar, estourar, romper” pontuou.

LADO OPOSTO AO DO CÓRREGO - São duas barragens de flotação (separação dos minérios) e outra de cianetação, onde é separado o ouro. As três estão distantes cerca de um km do Córrego Santo Antonio e com a curva de nível (descaída do terreno ou do relevo) voltada para o lado oposto à do Córrego. “Estamos muito tranquilos com relação às nossas barragens. A de cianetação por exemplo, tem capacidade de operação para 20 anos, tomara que encontremos ouro durante todo esse tempo” disse. Além disso, segundo o Gerente, as três são periodicamente (a cada 30 dias nas de flotação, e 6 meses na de cianetação) limpas e fiscalizadas, checadas, por uma empresa de consultoria contratada. 


Autor: AMZ Noticias com NX1


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 212
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia