Sexta-Feira, 24 de Maio de 2019

Projeto Colóquio realiza evento em Barra do Garças para discutir degradação do rio Araguaia




COMPARTILHE

A saúde de um dos maiores rios do país será tema do Colóquio Olhares do Araguaia, que ocorre na próxima quarta-feira (3/4). O evento é parte do projeto de mesmo nome, realizado pelo Núcleo de Produção Digital (NPD), com a Secretaria de Estado de Cultura, e receberá como palestrante o pesquisador da UFG Maximiliano Bayer. O colóquio inicia às 19h, no auditório 224 da UFMT, em Barra do Garças.

O momento propõe um debate sobre a saúde do rio, com pesquisadores e com a sociedade civil organizada. Além do professor Maximiliano, doutor em Ciências Ambientais pela Universidade Federal de Goiás (UFG), a discussão também conta com a presença do biólogo André Santos e do representante da Frente Popular Rios Vivos Simón Paz.

“A ideia do colóquio é falar sobre os desafios da sobrevivência do Araguaia diante da degradação ambiental”, explica a coordenadora do projeto Olhares do Araguaia, Carina Benedeti. O evento dá sequência às atividades da iniciativa, que começou com a realização de uma mostra de documentários sobre o rio.

Para André Santos, biólogo e mestre em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Goiás (UEG), a discussão é importante, devido à influência do rio tanto no aspecto ecológico, quanto no social da região. “Nós somos direta e indiretamente dependentes dele.”

Segundo ele, que é professor na Escola Estadual Irmã Diva Pimentel, já existem indicadores de que o Araguaia está doente. André cita pesquisas que mostram a escassez de espécies de peixes e que apontam para as mudanças no período de reprodução de algumas espécies. “A grosso modo, também podemos observar, ano a ano, o surgimento de bancos de área e a diminuição do volume de água do rio”, destaca.

Na semana passada, o projeto contemplado com o Prêmio Territórios, da Secretaria de Cultura, realizou uma mostra de documentários no cinema do Barra Center Shopping. Foram exibidos oito produções audiovisuais com temas relativos ao rio e à região de Barra do Garças. Nesta semana, as sessões ocorrem em Araguaiana, a 60 km, até o dia sexta-feira (29).

Entre as atividades, o projeto Olhares do Araguaia ainda prevê a realização de oficinas relacionadas a audiovisual, no próximo maio, em Barra do Garças e em Araguaiana. Para mais informações, acesse o site www.even3.com.br/mostraaraguaia.


Autor: Kayc Alves com Semana7


Comentários

Notice: Undefined index: envio in /home/norteara/public_html/noticia.php on line 212
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia