Segunda-Feira, 14 de Outubro de 2019

Helder diz que paciente morto na porta do Hospital de Redenção foi vitima de negligência




COMPARTILHE

Em visita a cidade de Floresta do Araguaia, nesta sexta-feira, 24, o governador Helder Barbalho falou para os prefeitos, vereadores e lideranças regionais, sobre o fato ocorrido em frente ao Hospital Regional Público do Araguaia em Redenção, que levou a óbito um paciente da cidade de Água Azul do Norte, no dia 21.

Para o governador, houve negligencia e irresponsabilidade no atendimento e informou que a Secretaria de Saúde do Estado abriu sindicância para apurar os fatos. “Não é correto fechar a porta de um hospital… Isso não é desculpa, isso é negligência”, declarou.

Ele afirmou ainda que os culpados serão responsabilizados, “quem tiver dado causa pra esse episódio vai responder na sindicância e vai ser denunciado à justiça para responder para o fato que deu causa lá no município de Redenção”, disse. Para esclarecer sobre as condições de como o governo vem cumprindo com as obrigações de manutenção do HPRA, Helder disse que todos os repasses estão sendo feitos. “O pagamento do hospital tá em dia, serviço tá em dia, portanto, isso é conversa fiada dizer que ‘tava’ superlotada e por isso…pessoa morre lá fora”.

Disse ainda que “burocracia não pode resultar na morte de ninguém”, defendendo que não é por superlotação no hospital que uma pessoa deve morrer do lado de fora, “pode haver a superlotação que houver”.Sobre as demandas, Helder disse que trabalha com duas frentes de entendimento, uma diz respeito sobre qual será os investimentos para o HPRA, enquanto que a outra é a construção em parceria com a Vale, de um hospital Regional na cidade de Ourilândia do Norte.

“Eu quero transmitir a vocês. Há um pleito sobre a ampliação do hospital de Redenção, nós estamos visualizando qual será o investimento na ampliação HPRA, mas nós temos uma importante conquista para a região, que vai desafogar o HPRA. Eu fechei um entendimento com a companhia Vale, e a Vale vai construir e concluir o hospital Regional de Ourilândia do Norte”. A informação dada pelo governador deixou todos esperançosos, que o aplaudiram, diante da notícia que viabilizará melhoria no atendimento à saúde na região.


Autor: AMZ Noticias com Roserval Ramos


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia