Quinta-Feira, 19 de Setembro de 2019

Bolsonaro garante pagamento do FEX e aval de empréstimo milionário para Mato Grosso




COMPARTILHE

Mato Grosso conseguiu o aval do presidente Jair Bolsonaro (PSL) para concretizar o empréstimo de U$ 250 milhões junto ao Banco Mundial, e ainda garantiu a liberação de uma parcela do Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX).

O anuncio foi feito pelo governador Mauro Mendes (DEM) na manhã desta quinta-feira (29) após reunião com o presidente e o ministro da Economia Paulo Guedes em Brasília.

O encontro foi organizado pela bancada federal e contou com a presença dos deputados federais Neri Gueller (líder da bancada), José Medeiros, Nelson Barbudo, Dr. Leonardo e Juarez Costa, dos senadores Jayme Campos e Wellington Fagundes, além dos deputados estaduais Ondanir Botolini (Nininho), Thiago Silva, Sílvio Favero, Sebastião Resende e Delegado Claudinei.

“Saímos da reunião com duas grandes conquistas: garantimos mais um importante passo no processo para a aprovação do empréstimo, que será importante para a recuperação das contas do Estado. A outra grande notícia é que o ministro Paulo Guedes garantiu que será pago uma parcela do FEX, o que ajudará no equilíbrio financeiro de Mato Grosso”, enfatizou o chefe do Executivo Estadual.

Com o aval do Governo Federal, a expectativa é de que a operação de crédito seja fechada em definitivo até a próxima terça-feira (03), a fim de evitar do desembolso de R$ 120 milhões referente a mais uma parcela do empréstimo dolarizado firmando com o Banc Of Amrecia.

Para tanto, o empréstimo ainda precisa da autorização do Senado Federal. “O presidente nos entregou a finalização do processo de empréstimo aqui dentro do Governo Federal. Agora, o próximo passo é lá no Senado, e para isso, vamos contar muito com ajuda dos senadores Wellington Fagundes e Jaime Campos para que a gente rapidamente possa tramitar e dar o último passo para assinatura do contrato”, afirmou.

Com os U$ 250 milhões Mendes pretende quitar a dívida contraída no ano de 2012 com o Bank Of America. Com o novo empréstimo, o Estado passa a ter uma nova dívida, só que com melhores condições de pagamento, tendo em vista que o prazo será alongado de quatro para 20 anos e com juros anuais passando dos atuais 5% para 3,5%.

Ainda na reunião, Bolsonaro garantiu a liberação de ao menos uma parcela do FEX neste ano. O Estado tem cerca de R$ 400 milhões para receber referente ao ano de 2018 e outros R$ 450 milhões de 2019.

“E outra notícia muito bacana é que o ministro Paulo Guedes garantiu que será paga uma parcela do FEX, de R$ 4 bilhões, que é dividido com todos os estados participantes. Mas é uma notícia importante para o equilíbrio das contas de Mato Grosso”, acrescentou Mendes. 


Autor: AMZ Noticias com Assessoria


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito ao Norte Araguaia