Sábado, 08 de Agosto de 2020

PM do Pará presta honras fúnebres à soldado morta em acidente durante operação




COMPARTILHE

A Polícia Militar do Pará, como forma de agradecimento aos relevantes serviços prestados, à dedicação à vida policial e ao empenho durante o exercício da profissão, realizou, na manhã desta quarta-feira (30), as honras fúnebres à soldado Jamilly Marília Freitas de Oliveira, militar que integrava o efetivo do 24º Batalhão. As homenagens ocorreram no Cemitério Parque Nazaré, no bairro do Tapanã, em Belém.

Familiares, amigos e companheiros de farda se despediram emocionado da militar, que estava nas fileiras da corporação há um ano e dois meses. O ataúde da soldado Jamilly Oliveira foi coberto com a bandeira do Estado do Pará e carregado pelas amigas de profissão até o local do sepultamento, onde foram realizadas mais homenagens.

O chefe Estado-Maior Geral da Polícia Militar, coronel Marcelo Ronald Botelho, entregou nas mãos dos familiares da militar a bandeira do Pará, que na ocasião simbolizou a notória devoção da soldado Jamilly Oliveira à segurança pública do Estado. O subcomandante do 24º Batalhão, Emerson Guimarães de Oliveira, também esteve presente e comentou sobre as qualidades da policial.

''A soldado Jamilly Oliveira era uma somatória de valores e talentos que Deus deu para a Polícia Militar, por um curto período de tempo, mas que trouxe ganhos para sociedade paraense. O trabalho e a missão dela contribuiram muito, ao ponto da área em que ela atuava ter apresentado expressiva diminuição no índice de criminalidade'', comentou o oficial.

A guarda fúnebre, foi comandada pelo 2º tenente Emilio do Valle, que pertence ao efetivo do 24º Batalhão. A tropa armada postou-se no percurso do ataúde, prestou continência e realizou as honras póstumas à militar, que sempre se destacou na unidade em que atuava. ''O comprometimento, a coragem e a vontade de fazer a diferença eram marcas da soldado Jamilly. A alegria dela contagiava a todos do pelotão. O 24º Batalhão perde uma grande integrante'', destacou o 2º tenente Emilio do Valle.

A soldado Jamilly Oliveira, 24 anos, cursava Direito e tinha o sonho de prestar concurso para posto de oficial da PM. Ela integrava o efetivo do 24º Batalhão e exercia a função de motorista. A militar faleceu em serviço, na manhã da última terça-feira (29), durante um acidente envolvendo a viatura em que dirigia. A soldado Jamilly foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias