Terca-Feira, 14 de Julho de 2020

MPE e GSI realizam operação contra supostas fraudes na prefeitura de São Félix do Xingu




COMPARTILHE

Na manhã desta quinta-feira (30), seis equipes do Ministério Público Estadual, em conjunto com agentes do GSI (Grupo de Atuação Especial de Inteligência e Segurança Institucional), realizaram a Operação Lemniscata na prefeitura de São Félix do Xingu que investiga supostas fraudes em onze licitações para compra de material de informática feitas pela prefeitura do município.

A ação foi coordenada pelo Promotor de Justiça Estadual, Dr. Milton Lobo Menezes com o apoio dos promotores de justiça no município, Dr. Carlos Fernando Cruz da Silva e promotora Dra. Cynthia Cordeiro, além de agentes da polícia civil. Uma denúncia anônima feita no site do Ministério Público Estadual, na Ouvidoria do MPE originou a operação Lemniscata, que cumpriu  oito mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão.

Informática – Conforme informações do MPE, foram presos os comerciantes Erverton Fernandes Reis de Souza e Manoel Ribeiro da Silva acusados de serem “laranjas” do Ouvidor da Prefeitura, Maximino Gomes, que não foi localizado pelas autoridades. Segundo o MPE, o Ouvidor Geral da prefeitura, seria o verdadeiro dono da empresa de material de informática Green Tech, envolvida em supostas fraudes em licitações de compra de material de informática para a prefeitura, secretarias e órgãos como Conselho Tutelar.


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias