Sábado, 24 de Outubro de 2020

Fraqueza não é o fim...




COMPARTILHE

Habitualmente, ouvimos conselhos motivacionais, acerca da importância de fortalecermos nossas qualidades, reforçarmos os pontos positivos de nossa personalidade, e externalizarmos todo nosso potencial.

São inúmeras as vezes, em que enaltecemos nossos predicados, na tentativa de restaurar nosso equilíbrio interior.  Com certeza este movimento é extremamente válido! Mas, e quanto as nossas fraquezas...? Será que deixam de existir no momento em que evitamos olhar para elas?

Quem dera, se uma “varrida para debaixo do tapete” fosse capaz de fazer toda a sujeira desaparecer. Tudo seria muito mais fácil: Bastaria um vento soprar, que toda a poeira que nos incomoda desapareceria em alguns instantes.

Acontece que faxina bem feita, é aquela em que conseguimos tirar tudo do lugar: Observamos embaixo dos móveis, nos trilhos das janelas e nas quinas difíceis de limpar. Primeiro precisamos encarar a sujeira, e só depois disso é que conseguiremos removê-la.

Logo, tão importante quanto saber o que nos movimenta, é saber o que nos paralisa, porque a fraqueza que tento esconder, também revela traços sobre quem eu sou. E a partir do momento em que começarmos a enfrentá-la, conseguiremos ressignificá-la.

Vivemos a era dos “infinitos e super poderosos” recursos tecnológicos: Corrigimos o corpo, mudamos a cor da pele, ajeitamos o sorriso, e se o cenário não for o desejado, basta um click e pronto, o mudamos também! No final, dará tudo certo: A foto estará linda para ser postada! Será?

Será que o final desta história, é tão mágico quanto a foto que foi postada? Ou será que após a imagem ser enviada com sucesso, estaremos frente a frente com nosso cenário real, corpo real, vida real? 

Parece que estamos imersos em uma imaturidade infantil, fingindo viver um conto de fadas, com uma varinha dos desejos em mãos realizando fantasias da nossa cabeça. Só que a criança, em algum momento fecha o livro. E o nosso, precisa permanecer constantemente aberto. E a vida real, vai aos poucos se perdendo em meio a tanta encenação.

Nós da Denia Consultoria, acreditamos que a fraqueza que existe em cada um de nós, não é o fim, mas sim o começo, porque quando aceitamos que elas existem, conseguimos nos reposicionar.

Mudança exige enfrentamento, e só se faz possível quando olhamos em nossos olhos e aceitamos que também temos falhas, imperfeições, dificuldades. Aceitar não significa acomodar, mas sim, significa ter clareza e domínio emocional suficientes, para reconhecer quem realmente somos, sem eufemismos ou lamentações.

 A fraqueza permite que as máscaras sejam arrancadas, e com isso, mostra quem realmente somos e possibilita o despertar para quem realmente eu desejo ser.  No final das contas, as nossas questões tenderão a ficar “mais fáceis” porque nós, nos tornaremos ao longo deste processo, pessoas mais fortes. 

É preciso ter coragem para ter força. E é preciso ter força para encarar as nossas fraquezas.   Comece por dentro!

DENIA CONSULTORIA – A equipe da é formada por Denia Alexandrina, consultora de imagem e marketing, há 40 anos no mercado; Fernanda Fae Figueiredo, que é fashion marketing; e Estela Fae de Barros que é psicóloga e especializada em marketing. 


Autor: Denia Consultoria


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias