Domingo, 20 de Junho de 2021

Produtores de Mato Grosso estocam grãos em 'silos bag' por falta de espaço em armazéns




COMPARTILHE

Produtores rurais de Mato Grosso precisam estocar temporariamente os grãos de milho em silos bag, que são tubos flexíveis de polietileno de alta densidade, devido a falta de armazéns. O estado consegue armazenar mais de 36 milhões de toneladas de grãos, porém, mais de 40% do que é retirado dos campos não podem ser estocados em armazéns.

Em uma fazenda localizada em Diamantino, a 209 km de Cuiabá, segundo o produtor Erny Parisenti, foram instalados 150 silos bag para armazenar os grãos. Cada bolsa tem 50 metros e armazena mais de três mil sacas de milho. “Tivemos que fazer 150 silos bag porque não tínhamos mais espaço nos armazéns para guardar a produção”, disse.

Na última safra, entre o milho e a soja, foram colhidos mais de 200 mil toneladas. No entanto, apenas 30% da produção é colocada nos armazéns. O deficit em Mato Grosso é de 41%No ano passado, foram colhidas 61 milhões de toneladas dos grãos. Das 2,2 mil unidades que guardam a safra, 77% são de cooperativas e operadoras de serviços e 22% são de produtores. Menos de 0,5% pertence à Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

O estado consegue armazenar mais de 36 milhões de toneladas de grãos, ou seja, mais de 40% do que é retirado dos campos não pode ser estocados em armazéns. A recomendação da Organização das Nações Unidas (ONU) para a alimentação e a agricultura é de que a oferta de armazenamento deve ser 20% maior do que a capacidade de produção de um estado.

O estado deveria ter estrutura para armazenar 70 milhões de toneladas. Para o diretor executivo do Movimento Pró-logistíca de Mato Grosso, Edeon Vaz, a falta de estrutura acontece devido à dificuldade de acesso a linhas de crédito. “Os bancos deveriam aceitar como garantia o próprio armazém do financiamento, e isso ajudaria no armazenamento”, contou.


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias