Sexta-Feira, 17 de Setembro de 2021

Novos casos de HIV aumentam 12% durante 2019 em Cuiabá; jovens gays estão mais descuidados




COMPARTILHE

O médico infectologista Ivens Scaff tem observado o aumento no descuido com o tratamento e a consequente elevação da taxa de incidência de infecção pelo vírus HIV entre jovens homossexuais. Segundo ele, isso pode ser visto não apenas em Cuiabá, tratando-se de um fenômeno global.

Atendendo pacientes soropositivos na rede pública há mais de 20 anos, o especialista explica que, como o tratamento acabou com a imagem mórbida do infectado à beira da morte, alguns grupos ficam mais expostos.

“Por um lado, essas pessoas entendem que não vão morrer, que se elas cumprirem o tratamento, eu posso garantir saúde para elas. Por outro lado, elas podem não levar tão a sério o tratamento, tanto as pessoas que têm o vírus quanto aquelas que não têm”, afirma.

O médico revela que hoje é possível viver com a doença, ter uma aparência saudável e qualidade de vida. “É porque o jovem não pegou a 'doença expressa' como foi com o Cazuza, que é o jovem extremamente magro, extremamente doente e até morrendo”, completa Scaff.

Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES), Mato Grosso registrou um leve aumento de 4% nos casos de infecção por HIV em 2019. Em 2018, a SES computou 863 casos de infecção pelo vírus no Estado, enquanto que, no ano passado, foram 899 novos diagnósticos. Na Capital, o aumento durante o mesmo período foi de 12%. Há dois anos, haviam 306 novos casos de infecção por HIV, mas em 2019, esse número saltou para 343.

O número de casos de Aids diagnosticados em Mato Grosso ainda são muito expressivos, mas sofreram uma queda de 12% em 2019, em comparação com 2018.  De 374 casos de Aids diagnosticados em 2018, passou-se para 326 no ano passado. Em Cuiabá, houve uma diminuição ainda maior nos diagnósticos da doença no mesmo período. Em 2018, a SES registrou 57 casos de Aids, mas em 2019, foram 44.


Autor: AMZ Noticias com Midia News


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias