Sábado, 19 de Junho de 2021

Suspeito de matar ex-mulher nos Estados Unidos é foragido da justiça do Tocantins por assassinato




COMPARTILHE

O principal suspeito de matar a brasileira Débora Evangelista Brandão a facadas no último domingo (18), na cidade de Phoenixville, no estado da Pensilvânia nos Estados Unidos é um foragido da Justiça no Brasil. Danilo Sousa Cavalcante é réu em um processo criminal por homicídio cometido em Figueirópolis, na região sul do estado, em 2017. Ele foi reconhecido por parentes da vítima morta no Tocantins após ter a foto divulgada em programas de televisão.

O suspeito foi preso pela polícia americana no estado da Virgínia uma hora e meia após o assassinato da ex-namorada. Débora, de 34 anos, morava nos Estados Unidos há cerca de cinco anos. Ela foi morta a facadas na frente dos dois filhos. O Ministério Público do Tocantins afirmou que já repassou informações à Polícia Federal sobre o assassinato praticado no Tocantins. Veja abaixo detalhes sobre o caso

No Tocantins, Danilo Sousa é o principal suspeito de matar um Valter Júnior Moreira dos Reis a tiros em uma praça no centro de Figueirópolis. O crime aconteceu na madrugada de 5 de novembro de 2017. A investigação apontou que os dois estavam em uma lanchonete e Danilo teria feito seis disparos contra a vítima à queima-roupa. O suspeito ainda teria pegado o celular de Valter Júnior antes de fugir do local em um carro.

O processo sobre o crime corre na 1ª Escrivania Criminal de Figueirópolis. Danilo Sousa responde por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima, mas a ação penal estava suspensa porque o réu estava foragido.

Segundo o Ministério Público do Tocantins, o referido processo estava suspenso porque o acusado fugiu após o crime. Depois do delito, a prisão preventiva de Danilo foi decretada, mas não havia qualquer informação de seu paradeiro até o homicídio contra a jovem ser praticado nos EUA.

A promotora de Justiça, Priscilla Karla Stival Ferreira, afirmou que "já repassou todas as informações referentes à ação penal em trâmite na comarca de Figueirópolis em desfavor de Danilo de Sousa Cavalcante para a superintendência regional da Polícia Federal do estado do Maranhão, a qual está intermediando e auxiliando na comunicação oficial às autoridades americanas no Brasil".


Autor: Redação AMZ Noticias


Comentários
O Norte Araguaia não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Norte Araguaia e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias